Como combinar cores com o círculo cromático

Combinar cores é uma arte nada complicada. Aliás, misturar tons é uma das formas mais incríveis e divertidas de dar vida ao seu guarda-roupa. O segredo é que o exercício é bem mais simples do que parece. Principalmente quando você tem em mãos o oráculo das cores. Ou melhor, um círculo cromático.

O círculo cromático nada mais é que a representação das cores primárias, secundárias e terciárias. Ele está organizado de forma com que sua interpretação seja bem simples!

As cores primárias são o ciano, amarelo e o magenta. Quando você combina essas cores primárias, elas viram cores secundárias. Ciano com amarelo, por exemplo, vira verde; já ciano com magenta vira roxo. Sabe?

E quando você combina uma primária com uma secundária você tem as cores terciárias. Roxo com ciano gera um tom rosa…. o amarelo com o verde, um verde mais claro. E pra que isso serve? Pra que a gente possa se inspirar! E misturar sem medo. 

Se a gente entende onde nascem as cores, a gente começa a perceber o que elas têm em comum. Isso faz com que seja mais fácil brincar com a composição de cores.

Misturando cores

Existem inúmeras maneiras de misturar cores. No meu trabalho como consultora de estilo percebi que algumas são mais fáceis e eficientes para o dia a dia.


Tom sobre tom

A primeira forma é por meio da composição tom sobre tom. Você mistura uma mesma cor em seus variados tons. Quanto mais pra dentro do círculo, mais branco a cor ganha e fica mais clara. Quando mais pra fora, mais preto a cor recebe e, assim, fica mais escura.

Tons análogos

Outra forma é por tons análogos. Os que estão lado a lado no círculo. É uma junção segura e confortável que gera também harmonia. Perfeito para quem quer brincar com as cores, mas não quer ousar demais.

Cores complementares

Pensando em ousadia temos a combinação de cores complementares – o famoso bloco de cor. Você pega uma cor de um lado do círculo e mistura com outra cor lá do outro lado – uma fria e uma escura. O resultado é contrastante, cheio de estilo e personalidade! Para quem acha exagerado dá pra aplicar no uso de acessórios. Com uma terceira com neutra, pra equilibrar.

Tríade

E temos, ainda, a combinação tríade. Três cores em mix na forma de triângulo. É um bom contraste e bem harmônico! Uma forma, ainda, de criar um look inesperado, mas que funciona.

Agora que você já sabe como combinar cores utilizando o círculo cromático só falta colocar em prática. Sem medo!

No YouTube (inscreva-se no canal)

Você sabe quais cores valorizam mais a sua imagem? Não? Então vamos conversar. Uma análise de cores pode melhorar muito o seu relacionamento com o guarda-roupa. Me escreva no amanda@amandamedeiros.com.

Cores quentes e cores frias

Não é de hoje que falo no blog sobre cores quentes e cores frias. Mas, nunca parei para explicar – sem rodeios – o que elas são. Conhecer um pouco sobre o círculo cromático é essencial para quem valorizar ao máximo a sua imagem. 

quenteefrio1

As cores têm vários aspectos. Entre tantos, há a questão da temperatura. Para saber qual cor é quente, ou fria, é preciso dar uma olhadinha no círculo cromático. Do lado que estão as cores rosa, azul e verde, estão as cores frias. Do lado oposto, com o vermelho, laranja, amarelo e também o violeta, estão os tons quentes.

Simplificando ainda mais: cores quentes tem como referência o vermelho. Já as frias, o azul. É como pensar nos opostos da natureza. O sol e a lua. A água e o fogo. O quente remete a total saturação do vermelho. Já o frio, ao azul saturado por completo.

Cores e sensações

Enquanto a cor fria é refrescante, como uma piscina em um dia de verão, a cor quente aquece, como uma sopa em um dia de inverno. São opções que geram impactos não só na nossa imagem, mas também nas nossas emoções.

quenteefrio2

E como isso afeta a nossa imagem? Para que a nossa imagem seja coerente, e para que a gente possa usar cores que iluminem nosso rosto, valorizem nossos traços e as nossas características naturais, é preciso conhecer quais são os tons que funcionam melhor para você. Tudo isso por meio da análise de cores (um dos serviços oferecidos pela Consultoria de Estilo, tá?).

quenteefrio4

Os tons são estabelecidos pensando em aspectos como temperatura, intensidade e profundidade. Nossa combinação de cores naturais – tom dos olhos, cabelos, pele, lábios, determina nossa cartela de cores. Então, com isso vamos saber se as nossas melhores cores são frias, quentes ou neutras! Sim, há essa possibilidade.

quenteefrio5

Mais do que isso podemos usar a temperatura das cores para enviar mensagens ao vestir. Se queremos um visual mais agressivo e envolvente, vamos de cores quentes. Na busca por algo mais neutro, equilibramos as temperaturas. Quem sabe ainda uma pegada mais introspectiva, que pode ser conquistada com as cores frias… Porque as cores têm esse poder.

Quer ver mais? Falei sobre o assunto em vídeo, no YouTube

Para não perder nenhum vídeo novo, inscreva-se no canal!

O que sua cor diz sobre você

A cor que você mais gosta tende a dizer muito sobre sua personalidade. Aliás, cores são sensações e emoções.

As cores possuem personalidade, por vezes super diferentes. E mesmo por isso as cores refletem o gosto pessoal de cada pessoa. Além da análise de cores, que indica quais tonalidades combinam mais com cada combinação pessoal de tons, fica a real informação de que as cores carregam sensações e significados. Assim, a partir da cor que lhe cativa, é possível perceber vários traços de sua personalidade.

Amantes do vermelho são pessoas animadas que gostam de viver o momento. Estas pessoas se sentem entendiadas facilmente e gostam de ter o poder para realizar e finalizar projetos rapidamente. As pessoas que amam o vermelho são, também, apaixonadas pela vida.

rosa é a cor das pessoas sensíveis e meigas, com uma doce disposição para viver a vida. Estas pessoas não se importariam em voltar no tempo e viver em épocas mias inocentes, colocando mais e mais romance na vida.

Enquanto isso, o amarelo é a cor das pessoas felizes, animadas e otimistas. Quando algo não funciona estas pessoas rapidamente tratam de mudar a situação. São espontâneas e vivem uma profunda e permanente curiosidade.

Já o azul é a cor das pessoas calmas que gostam de ter tudo na vida perfeitamente em ordem. São confiáveis e valorizam a lealdade em outros. O azul, quando semelhante ao tom do céu, remete as pessoas que gostam de sonhar acordadas; já o azul marinho é o retrato das pessoas sérias e conservadoras.

Pensando em cinza, esta é a cor daquelas pessoas que gostam mais de observar do que participar, principalmente em situações sociais. São pessoas que não gostam de se comunicar muito e deixam para o último momento a concretização de planos.

Pensando no verde, ela é a cor das pessoas que gostam de se sentir seguras e fazer do mundo um lugar melhor para viver. São generosas tanto quanto ao tempo dedicado a boas ações e afins, mas podem ser cabeça dura quanto a detalhes que são importantes por alguma razão.

O marrom e a cor das pessoas ligadas à terra e leais. Família e amigos, além do lar, são de extrema importância e o conforto é a chave para a vida.

A cor dos negociantes é o roxo, que carregam um forte desejo de agradar. Ainda assim não confiam facilmente nos outros e gostam, muito, de toques de mistérios em todos os lados da vida.

Por sua vez, o laranja é a cor das pessoas dinâmicas e divertidas, ligadas à natureza. No mais, não se importam de ficar em frente a uma multidão e são pessoas de forte apetite por comidas e pelas vida.

Por aí, quando a sua cor? Cada um com sua cor, com suas ligações e com suas características. Vale gastar alguns minutos para pensar qual a cor que você mais gosta, não apenas em se tratando de moda e roupas, e porque essa cor atrai seu olhar e sua aprovação.

Essa informação toda saiu do livro Color Hamony Compedium, de Terry Marks, MINE, Origin, Tina Sutton.