Não basta ser grifado…

Em determinados momentos da vida a gente presencia certas provações, que servem como referência palpável para discursos que ostentamos apenas pela lógica do pensamento coeso e coerente. Vestir-se bem em nada está ligado à ter condições de comprar em lojas grifadas ou mesmo ter conhecimento fashion.


A combinação de roupa com bom corte, caimento e design apenas possui valor quando a peça em si está de acordo com a silhueta e o estilo da pessoa – sendo uma extensão de suas necessidades. Por isso aquela ideia de que pra construir um look bonito basta correr a loja badalada mais próxima é uma grande mentira, tendo em vista que o que vale é a união de inúmeros fatores.

Hoje, tive a estranha experiência de passar certo tempo com uma pessoa que sabe tudo sobre as marcas, conhece lojas e seus donos, sabe por nome os estilista das grifes mas não se veste nada bem; além das roupas não favorecerem a silhueta da pessoa em questão elas carregam aquela estranha mensagem de ‘isso não pertence’, porque a todo momento eu ficava imaginando como a calça ou a bota poderia funcionar numa outra pessoa… já que a roupa, em sua essência, era ótima!

Pois bem. É claro que se sentir bem é o que vale, só que não é mais gostoso quando a roupa faz jus a seu preço?! Se não, qual a vantagem em gastar os tubos em produtos tidos como top?! Uhm, acho que vou pensar muito nisso… e vocês o que acham?!


Escrevo esse post acreditando na mínima possibilidade de que a pessoa vá um dia acessar este humilde blog, mas caso acesse e se encontre aqui, em meio à minhas palavrinhas, peço desculpa e me coloco disponível para um café.

6 pensamentos em “Não basta ser grifado…”

  1. Amanda, sempre pensei dessa maneira, nunca fui ligada em grifes. Compro o que me agrada e fica bem, independente de nomes costurados a fio de ouro….rs

  2. Confesso que na adolescencia, prestava mais atençao em marcas, talvez um comportamento tipico dessa fase de auto-afirmaçao diante dos amigos. Mas sempre procurei ser muito pe no chao e o $$$ tb nao permitia grandes extravagancias. E hoje em dia entao, com opçoes mais conta e as lojas fast-fashions, dá para montar o guarda-roupa sem entrar em falencia. No fundo, tudo é questao de equilibrio e compensaçoes, uma coisa cara aqui, outra mais barata ali. Acho que o importante é ser coerente com seu estilo e sua conta bancaria.

    Adorei sua frase final em italico! hahahaa. Diplomacia é tudo! rsrs :))

  3. off-topic: Sei que nao tem nada a ver com o post, mas comentarei pq vi em outro post alguem perguntando onde marcar a opçao de ser notificado por email.

    ai ai ai, bem que o blogspot poderia ter essa opçao nao eh? Assim como o wordpress. As vezes deixo de comentar em um blog do blogspot justamente por isso, pq sei que o blogueiro tem o costume de responder e/ou os outros comentarios sao sempre interessantes, mas é (quase) impossivel voltar sempre para o post e ver se teve alguma resposta, dá uma preguiça! hehehehe. Ou acabo esquecendo mesmo.

    E alem do mais, para que nao tem blog, acho "chato" comentar como anonimo ou somente com o nome, sei lá, passa uma impressao que a pessoa nao quer se identificar, e na verdade a pessoa nao tem a opçao de fazer isso, pois deixando o email (tudo que bem que tem gente que usa email falso) já é um sinal de quem a pessoa é.

    Enfim, campanha para o blogspot colocar opçao de email e de ser notificado por ele! rsrsr :))

    Bjs

  4. Adorei, concordo contigo. E acho que hoje em dia vale muito mais pensar em moda como identidade pessoal do que como identidade social.

  5. Também penso como vc!!!Não adianta gastar muito, sair toda grifada se aquelas roupas n ficam bem pra vc tudo vai por agua abaixo, não tem grife nem preço carésimo que segure a roupa errada na silhueta errada!Mas parece que tem gente que não tá nem aí, pensa que só porque pagou caro está chic e elegante.Elegancia não é giffe ,é saber usar o que fica bem para o seu corpo,sem necessariamente ser caro!
    Bjsssssssssssssssssssssssss

  6. Paula!!! Concordo com tudo o que vc disse. Vou passar o blog pro wordpress! êhhh O blogger é bom mas acho o wordpress mt melhor… uso ele já por causa do personamoda e sempre quis fazer isso, ai agora vou aproveitar o novo layou. Bjs!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *