A legging de todo inverno

Garantir o conforto e corpo aquecido durante viagens é tarefa simples

leggingtrip_5

Preparar a mala de viagem para uma região fria não é, aparentemente, nada fácil, principalmente para quem tem no guarda-roupa peças que suportam apenas temperaturas moderadamente baixas. O investimento em peças pesadonas, grossas, não chega a valer a pena, afinal, de volta à vida real, são poucas as oportunidades de se vestir para temperaturas abaixo de zero.

leggingtrip_1

A compra de um casaco pesado, grosso, comprido, pode até ser interessante, mas vale apostar nas temporadas de descontos e liquidações para levar o seu para casa. O uso tende a acontecer uma ou duas vezes por ano (naquela viagem de uma semana, quinze dias), mas se for uma peça atemporal, como costumam ser, o preço vai ter compensado.

leggingtrip_2

No entanto, na porção inferior, pernocas de fora ou em calças fininhas não são uma boa opção. Assim, vale apostar nas leggings usadas como peça base para criar, por cima, looks interessantes e em sobreposição. Para quem vai enfrentar temperaturas superbaixas, as calças têrmicas são essenciais. O mais legal é que com uma calça justinha por baixo, com boa compressão, o conforto fica garantido o tempo inteiro.

leggingtrip_3

Mas, é claro que cada silhueta possui suas características. Mulheres mais magrinhas, com poucas curvas (bumbum e coxas mais discretas) podem brincar com blusinhas ou tricôts curtos; já as mulheres curvilíneas devem cuidar para não cair na sensualidade extrema, apostando em blusas ou camisas mais longuinhas. O casaco por si já é uma boa aposta para cobrir bumbum/pernões.

leggingtrip_4

Um bom truque para proteger ainda mais o corpo e quebrar as baixas temperaturas é brincar com meia-calça + legging. Porém, se entre os planos estiverem lugares fechados, vale cuidar para que o look “cebola” não vire um problema. Aí a importância de um casacão, que possa ser deixado na chapelaria, com um look mais normal (no quesito preocupação com o frio) para os ambientes com aquecedores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *